Centro Municipal de Reabilitação de Saquarema segue com atendimentos aos pacientes

O Centro Municipal de Reabilitação (CMR) de Saquarema segue com atendimentos médicos e terapêuticos aos pacientes cadastrados na unidade, mesmo com a pandemia do Coronavírus. Diversas medidas foram adotadas para evitar aglomerações, aumentar a segurança de médicos e pacientes e, assim, não precisar interromper o tratamento.

Criado pela Prefeitura de Saquarema em abril de 2019, o Centro Municipal de Reabilitação Professora Dilma Coutinho da Silva funciona no bairro Gravatá e atende mais de 350 pacientes. O Centro é do tipo II e foi criado para auxiliar no cuidado das pessoas com algum tipo de deficiência física e intelectual.

A habilitação/reabilitação da pessoa com deficiência compreende um conjunto de medidas, ações e serviços orientados a desenvolver ou ampliar a capacidade funcional e desempenho dos indivíduos, tendo como objetivo desenvolver potencialidades, talentos, habilidades e aptidões físicas, cognitivas, sensoriais, psicossociais, atitudinais, profissionais e artísticas que contribuam para a conquista da autonomia e participação social em igualdade de condições e oportunidades com as demais pessoas.

Por conta da pandemia do COVID-19, o atendimento presencial foi reduzido para 50% da capacidade. Todos os pacientes estão com consultas em horários marcados, permitindo assim a higienização dos locais após cada consulta. Médicos, enfermeiros e demais profissionais estão trabalhando com máscaras e demais EPIs, mantendo o distanciamento necessário para cada tipo de atendimento. Além disso, pacientes que utilizam serviços que podem ser feitos remotamente, como a Psicologia, estão recebendo tratamento via telefone ou chamadas de vídeo.

Atualmente, o centro oferece atendimentos formados por uma equipe multidisciplinar composta por médicos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos, psicólogos, assistentes sociais, nutricionistas, dentre outros profissionais. Para novos atendimentos, a triagem será retomada no início do mês de janeiro/2021.

Outra novidade para 2021 será a implantação de um sistema informatizado que permitirá a integração entre o Centro de Reabilitação e os postos de ESF (Estratégia de Saúde da Família). A partir do próximo ano, pais e responsáveis por pessoas com deficiência poderão se dirigir ao posto de ESF mais próximo de sua residência para iniciar o processo de atendimento no CMR.

O Centro Municipal de Reabilitação de Saquarema funciona na Travessa do Ingá.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here