‘Consuma São’ provoca reflexões sobre o consumo na Praia do Peró, em Cabo Frio

A Praia do Peró, em Cabo Frio, vai receber nos dias 11 e 13 de janeiro, das 10 às 17 horas, o “Consuma São”, como parte da programação de educação ambiental do Programa Bandeira Azul. O objetivo da ação é compartilhar reflexões sobre consumo e a conservação marinha e é uma parceria da equipe do Projeto Albatroz, que tem o patrocínio da Petrobras Socioambiental, com a coordenadoria do Meio Ambiente da Secretaria de Desenvolvimento.

O local é atualmente o único do Estado do Rio a ostentar a certificação internacional do Selo Bandeira Azul, que exige o cumprimento de um conjunto de critérios positivos de acessibilidade, infraestrutura, limpeza, segurança e informações aos banhistas.

Os educadores ambientais do Projeto Albatroz vão explicar, por meio de atividades práticas, o que é consumir ‘são’, ou seja, de forma consciente. Durante a ação, os banhistas serão conduzidos por um trajeto de areia com trechos simulando praias limpas em contraste com praias degradadas e diversos tipos de lixo comumente descartados nestes locais, como sacolas, garrafas plásticas, copos, etc.

“A ideia é que os participantes tenham uma reflexão mais profunda sobre a cultura do consumo e o impacto nos ambientes costeiros e marinhos. Neste cenário, os animais são os mais ameaçados pela poluição. O lixo plástico descartado nos oceanos é, atualmente, uma das principais ameaças à sobrevivência de albatrozes, petréis, e tartarugas marinhas”, explicou o coordenador de Meio Ambiente, Mario Flavio Moreira.

O Projeto Albatroz é uma “Organização da Sociedade Civil de Interesse Público” (OSCIP) que trabalha em parceria com o Poder Público, empresas pesqueiras e pescadores.

“Nossa proposta é estabelecer um diálogo e informar os visitantes sobre essa problemática que é tão atual, porque o lixo que produzimos na praia acaba virando lixo marinho também. Refletir sobre o consumo e desperdício exagerados é importante para reduzir os impactos negativos nos animais marinhos” explicou a coordenadora de educação ambiental do Projeto Albatroz, Cynthia Ranieri.

Através da experiência com os resíduos, crianças, adultos e idosos poderão compartilhar percepções sobre o consumo, desperdício, limpeza das praias e como é possível contribuir para a conservação dos oceanos.

Projeto Albatroz

Reduzir a captura incidental de albatrozes e petréis é a principal missão do Projeto. A principal linha de ação do Albatroz, nascido no ano de 1990, em Santos (SP), é o desenvolvimento de pesquisas para subsidiar políticas públicas e a promoção de ações de Educação Ambiental junto aos pescadores, jovens e às escolas. O resultado deste esforço tem se traduzido na formulação de medidas que protegem as aves, na sensibilização da sociedade quanto à importância da existência dos albatrozes e petréis para o equilíbrio do meio ambiente marinho e no apoio dos pescadores ao uso de medidas para reduzir a captura dessas aves no Brasil. Atualmente, o Projeto mantém bases nas cidades de Santos (SP), Itajaí e Florianópolis (SC), Itaipava (ES), Rio Grande (RS) e Cabo Frio.

“Consuma São”

Data: 11, 12 e 13 de janeiro de 2019;

Horário: 10 às 17 horas;

Local: Praia do Peró, Cabo Frio;

Participação: aberta para todas as idades.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here