Educação de Cabo Frio aprova continuidade da greve

Os profissionais da Educação de Cabo Frio aprovaram, por unanimidade, na noite de quinta-feira, dia 08, a continuidade da greve, durante assembleia realizada na E.M. Edilson Duarte.


Foram aprovadas as seguintes propostas:

  • continuidade da greve, com assembleia no dia 14/08 (quarta-feira), para discutir os rumos do movimento;
  • coletiva de imprensa para informar à população os problemas enfrentados pela categoria. A data ainda será definida;
  • SEPE faça um levantamento e denuncie ao Ministério Público Federal a situação do Ibascaf;
  • Concurso 2009 – pedir ao jurídico do sindicato o agendamento de reunião com a Dra. Sheila para tratar o assunto e realizar ato, no mesmo dia, em frente ao Fórum;
  • Concurso 2009 – exigir da SEME que o total acordado seja cumprido;
  • ato no Ibascaf dia 14/08 (quarta-feira), às 9h, com faixa;
  • intensificar a ida nas escolas;
  • rever a autonomia da direção das escolas de suspender as aulas nos dias de conflitos em áreas de risco;
  • nas áreas de risco exigir o pagamento do “difícil provimento”;
  • reposição, em excepcionalidade, para as turmas do EJA, através do plano de estudo;
  • plenária para discutir a reposição dia 19/08, às 18h, com solicitação da presença do jurídico, com local ainda a ser definido. Informar ao Ministério Público sobre a realização da plenária;
  • acompanhamento do remanejamento e demissão de funcionários contratados;
  • em eventos da cidade organizar a distribuição de panfletos;
  • conscientizar os colegas sobre a importância da luta;
  • carro de som para circular na cidade e confecção de cartaz A3 com a seguinte frase: “Estamos em greve”. Junto colocar as reivindicações;
  • piquetes nas escolas, com debate para convencimento e panfletagem;
  • ato dia 13/08 (terça-feira), em adesão à greve nacional, com saída para o Rio de Janeiro, às 12h30;
  • adesão ao ato da Cultura (SAL), 12/08 (segunda-feira), às 10h, em frente à Câmara;
  • acompanhar o pagamento do reajuste dos profissionais da Educação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here