Educação de Cabo Frio entra em greve: mais da metade dos profissionais estão sem receber

Os profissionais da Educação de Cabo Frio aprovaram, na noite de terça-feira, dia 08, em assembleia na Escola Municipal São Cristóvão, greve a partir desta quarta-feira, dia 09.

Mais da metade da rede ainda está sem receber.


A greve foi instaurada para que o governo cumpra a lei e pague todos os profissionais até o quinto dia útil, respeite os direitos dos educadores e acerte o reajuste salarial, que tinha como data limite o mês de setembro.


A próxima assembleia será quinta-feira, dia 10, após audiência com o governo.


Foram deliberadas as seguintes propostas:

  • greve a partir de amanhã, com ida nas escolas nos horários dos recreios, com o intuito de conscientizar a categoria sobre a manutenção do texto das resoluções 7 e 8 (a 7 trata sobre a hora atividade e carga horária dos professores. A resolução 8, trata sobre o direito dos servidores de fazer as escolhas de horário e turmas, dentro dos critérios estabelecidos pela antiguidade);
  • plenária amanhã, dia 9, às 18h, na E.M. São Cristóvão, para discussão das resoluções 7 e 8. Na ocasião também será debatido o Regimento Escolar;
  • a reposição da greve, até a presente data, será feita através de plano de estudo que só deverá ser lançado no diário e entregue após o pagamento do 13° salário, abono de greve e restituição do desconto indevido. Os funcionários administrativos e de apoio não devem fazer reposição;
  • vigília na prefeitura, dia 10, às 15h;
  • cobrar do governo a convocação do COMPARP;
  • assembleia na quinta-feira, dia 10, após audiência com o governo. Local a definir.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here