Grupo faz churrasco no Parque Natural Municipal Dormitório das Garças, em Cabo Frio

O trabalho de preservação do meio ambiente, em Cabo Frio, não para. No fim de semana, agentes da Guarda Marítima Ambiental retiraram grupo de banhistas que estavam fazendo churrasco no Parque Natural Municipal Dormitório das Garças. De acordo com a secretária de Direitos Humanos e Segurança Pública, Aglaia Olegário, o local é uma área de preservação ambiental, sendo proibida a realização deste tipo de evento, conforme prevê a Lei Federal 9605/98, artigo 163, inciso III. O grupo de banhistas foi orientado a apagarem o fogo e se retirarem do local. A ação foi realizada em parceria com a Unidade de Policiamento Ambiental (Upam).

O Parque Natural Municipal Dormitório das Garças foi criado pela Lei 1.596 de 29 de novembro de 2001 e representa um ecossistema de manguezal revestido de importância especial por estar situado no início da maior laguna hipersalina do planeta, em estado permanentemente aberto. A unidade abriga uma população de cerca de 1.400 garças brancas, colhereiros (visitantes sazonais), além de mais 39 espécies de aves.

Aglaia destaca que a Guarda Marítima Ambiental trabalha na prevenção a danos ambientais, sempre orientando o cidadão. A secretária ressalta ainda que é dever de toda a sociedade conservar, cuidar e preservar do patrimônio ambiental da cidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here