Guarda Civil de Iguaba Grande alerta lotéricas que não estão cumprindo decreto

Em Iguaba Grande a Guarda Civil Municipal está atenta a todas as denúncias que chegam e estão em desacordo com o último Decreto Municipal para evitar a proliferação do Covid-19.

Num dos trechos o documento diz que bancos e lotéricas devem limitar o acesso de clientes aos balcões, adotando medidas para franquear a entrada somente com a liberação do guichê para atendimento.

Determina, ainda, que façam a conscientização dos clientes que aguardam na área externa para que mantenham-se distantes uns dos outros em 2 metros. Uma das punições para o descumprimento é o fechamento do estabelecimento.

Em vistoria na tarde de quarta-feira, dia 01, a equipe flagrou algumas lotéricas descumprindo parte do Decreto.

“Elas estavam atendendo ao limite de acesso dentro da loja, mas não ao distanciamento previsto do lado de fora. Então orientamos, e neste primeiro momento fizemos a demarcação nas calçadas, mas alertamos que em caso de reincidência esses comércios estão passivos das punições previstas no Decreto 1.892/2020. Não é o que queremos, mas nossa missão é salvaguardar a integridade de nossos munícipes e visitantes”, explicou Oliveira, Supervisor da Guarda Civil Municipal de Iguaba Grande.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here