Alunos aldeenses participam de teste de aceitabilidade da merenda escolar

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por meio da Secretaria de Educação, realizou o teste de aceitabilidade da merenda para a introdução da coxa e sobrecoxa no cardápio escolar. Todas as escolas municipais da rede passaram pelo teste. A determinação é do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), que visa garantir a alimentação escolar dos estudantes da educação básica matriculados em escolas públicas.

De acordo com a nutricionista da SEMED, Sheila Cunha, o teste de aceitabilidade é feito em 38 unidades escolares do município aldeense. “O teste é feito com os alunos do Ensino Fundamental, do 1º ao 9° ano. As crianças da Educação Infantil e das Creches não têm obrigação de participarem, pois se entende que ainda estão em formação de hábito alimentar”, explicou.

Para que o novo cardápio seja incluído na merenda, 85% dos alunos de cada escola devem aprová-lo. Durante o teste de aceitabilidade, os alunos da rede municipal provam o alimento e, em uma urna, depositam o voto a favor ou contra a introdução do novo item ao cardápio escolar. O resultado do trabalho será divulgado na próxima semana.

A diretora da Escola M. Profª Mirian Alves de Macedo Guimarães, no bairro Fluminense, Cristiane Moraes, falou sobre o processo. “Sempre que algum ingrediente ou uma carne nova vai entrar no cardápio, a Prefeitura licita, manda para a escola e depois de um tempo o aluno vota se gostou ou não da iguaria. No teste, a maioria dos alunos precisa aprovar o alimento para que de fato esse ingrediente seja inserido no cardápio de forma definitiva”, disse.

“Acho muito importante o teste de aceitabilidade ser feito pelos alunos. É legal podermos votar, porque somos nós que comemos o alimento e, por isso, é fundamental saberem se gostamos ou não da devida carne”, afirmou a aluna do 6º ano da E. M. Profª Mirian Alves, Júlia Souza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here