Andinho: "Não adianta querer ser prefeito, quem nunca teve carteira assinada"

O prefeito deu entrevista na manhã desta quinta-feira

Por Redação JS em 24/03/2016 15h39

A Rádio Litoral FM recebeu na manhã desta quinta-feira (24) o prefeito de Arraial do Cabo, Wanderson Cardoso de Britto, o Andinho (PMDB).


O prefeito falou sobre assuntos importantes referentes ao município cabista e fez uma avaliação do seu último mandato à frente da cidade. “Eu sou muito crítico, muito crítico mesmo. Apesar de a gente ter a tranquilidade de dizer que nesses quatro anos, que nós já estamos completando do segundo mandato, a gente ter uma saúde melhor, a gente ter uma educação funcionando maravilhosamente bem, a gente ter Arraial do Cabo com uma qualidade melhor do turismo, que é o resultado desses anos todos de trabalho, a gente ter um trabalho muito forte na área de manutenção de limpeza do município, eu continuo sendo critico até comparando com o nosso primeiro mandato, a gente tem uma avaliação de que a gente ficou devendo alguma coisa”, disse.


Segundo o prefeito, apesar da queda expressiva na arrecadação dos royalties de petróleo e da diminuição na arrecadação, neste final de ano, o governo tem conseguido se recuperar com o pacote de obras lançado, como as obras do teatro municipal, da Prainha e da Creche de Monte Alto.


Prefeito por dois mandatos seguidos, Andinho não pode mais concorrer nas próximas eleições, mas já escolheu o nome do seu pré-candidato na sucessão municipal, o atual secretário de governo, Walter Lúcio, o Tê. Não adianta você querer colocar para ser prefeito, uma pessoa que nunca teve uma carteira assinada, porque é bonzinho, é bonitinho e depois tem quatro anos de prejuízo dentro da administração e o povo sofrendo. A gente está aí com uma pré-candidatura que tem o perfil de trabalho e também um perfil empresarial, que trabalhou a vida inteira e se sustentou. Ao contrário daqueles que foram sustentados pelo pai e pela mulher a vida inteira.” Finalizou.

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Violência desenfreada