Argentinos que moravam em praia são retirados; desmataram 50m²

Ação foi no domingo (9) dentro de APA na Praia do Forno. Grupo montou acampamento com 10 barracas em Arraial do Cabo.

Por G1.com em 11/10/2016 04h31

Vinte argentinos que estavam morando em um acampamento montado há um mês na Praia do Forno, em Arraial do Cabo, foram retirados do local na tarde de domingo (9). Segundo a Guarda Ambiental, o grupo desmatou uma área de 50 m² de uma Área de Proteção Ambiental para montar as 10 barracas.


Eles foram para um camping na cidade e, segundo a Guarda, podem pedir ajuda na Assistência Social do município caso precisem de moradia. O grupo fazia a higiene pessoal e preparava alimentos no acampamento.

 

A ação foi realizada em conjunto pela Polícia Militar e a Guarda Municipal. A denúncia foi feita por moradores, que disseram ter visto "gringos morando no meio do mato".


"Vai chegando o verão, está ficando calor, e como eles trabalham com artesanato, devem estar vindo pra cá pra começar a vender as coisas", disse Ernandes Veiga, inspetor da Guarda Marítima Ambiental. Segundo ele, a fiscalização será intensificada no local.


De acordo com a Guarda, havia sujeira no local e o material do acampamento foi apreendido. Os responsáveis foram notificados e, caso voltem a acampar na área, poderão ser multados e detenção por crime ambiental. 


Foto: Divulgação/Guarda Marítima Ambiental de Arraial do Cabo

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Violência desenfreada