Bairros atingidos pelo último temporal em Iguaba Grande têm ações de recuperação imediatas

Temporal do dia 21 de novembro deixou diversas sequelas nos municípios de toda a Região

Por Ascom Iguaba em 25/11/2015 16h18
Após o temporal do último sábado, dia 21, a Prefeitura de Iguaba Grande, através da Subsecretaria de Serviços Públicos, têm realizado diversas ações de recuperação por todos os bairros da cidade. Foram registrados o volume de 65 mm, o que era esperado para 15 dias, e ventos que chegaram a 70Km/h. A Defesa Civil juntamente com a Secretaria de Obras, Urbanismo e Serviços Públicos  da cidade, continuam de prontidão em Estado de Atenção  até quinta-feira,  dia 26, devido as previsões de chuvas nesse período.

O Coronel Mauricio Vaz, Coordenador da Defesa Civil de Iguaba Grande, destacou as providências que foram tomadas no dia do temporal. “No sábado, através do monitoramento da Defesa Civil, a elevatória do Rio Salgado foi aberta às 11hs, no nível máximo de 2.20m, e foi fechada somente no domingo, dia 22, no nível 2.11m para o total escoamento da água.” Concluiu o Coordenador.

Durante esses primeiros dias após a tempestade, a equipe do departamento de Serviços Públicos efetivou a retirada de árvores que estavam obstruindo a passagem na Rua Manoel Batista, no bairro Parque Tamariz, e também na Rua Alessandra Vieira, no bairro Estação. Na Orla, foram retiradas cerca de 30 toneladas de vegetações, lixos e entulhos que escorreram de toda a cidade. Foram executadas também, a desobstrução nas bocas de manilhas e pontes, o patrolamento em diversas ruas do município e a retirada de areias e pedras que desceram das ruas de chãos para as ruas de asfalto nos bairros Iguaba Pequena, Pedreira, Sopotó e Parque Tamariz. Alguns bairros, como Cidade Nova, ainda receberão essas ações nesses dias que seguem.

A limpeza dos ralos, bueiros e canais da cidade é uma ação contínua, a manutenção desta atividade é feita quinzenalmente. “Justamente por conta desta manutenção constante que houve o rápido escoamento da água. Foi um volume muito grande de chuva que não estava sendo esperado, afinal choveu o equivalente a 15 dias, todas as providências foram tomadas no momento certo, sabemos do prejuízo de muitos, mas estamos realizando as ações de recuperação da cidade e contamos inclusive com a ajuda de todos no que diz respeito ao correto despejo do lixo, pois o que percebemos foi que o lixo está sendo descartado nas beira dos rios e fora do horário da coleta, desta forma, quando chove, entope os bueiros, causando alagamento.” Ressaltou o Subsecretário de Serviços Públicos, Dircilei de Magalhães Siqueira.

Dias e horários da coleta de lixo:

Segunda / Quarta / Sexta – 07h às 22h

Arrastão;
Igarapiapunha;
Ubás;
Vila nova.

Segunda a Sábado – 07h às 22h

Boa vista;
Centro;
Cidade Nova;
Coqueiros;
Estação;
Jardim Solares;
Nova Iguaba;
Pedreira;
São Miguel;
Sopotó;
Terral;
União.

Terça / Quinta / Sábado – 07hs às 22hs

Canellas city;
Iguaba Pequena;
Laguna Azul;
Parque Tamariz;
Caieira;
Capivara;

DOMINGO – 07h às 13h

Orla de Iguaba Grande;
Estrada do Arrastão;
Engenheiro Neves da Rocha;
Ruas das Rosas;
Avenida Iguabela e Avenida Beira Rio;
Paulino Pinto Pinheiro;
Estrada do Sopotó;
Alfeu Ferreira;
Antônio Martins;
Nossa Senhora da Conceição;
João Vasconcelos;
Capitão Jorge Soares.

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Famílias destruídas