Cabistas fazem “vaquinha” para ajudar amigo internado em CTI

Uma "vaquinha" online está arrecadando fundos para pagar o tratamento de Fernando Rangel, de 32 anos.

Por Redação JS em 22/05/2016 13h28

Uma "vaquinha" online está arrecadando fundos para pagar o tratamento de Fernando Rangel, de 32 anos, que está internado com sérios problemas no sistema respiratório desde quinta-feira (19) no CTI de um hospital privado de Cabo Frio. A campanha, organizada por amigos e parentes, foi o meio que o grupo encontrou para pagar o tratamento, que tem uma diária no valor de R$ 5 mil.


O movimento "Auxílio Buxunda!" arrecadou R$ 460 até às 18h30 deste sábado (21) e quer chegar aos R$ 50 mil. Para saber mais sobre a campanha ou doar, basta acessar o portal da "vaquinha". Nas redes sociais, as postagens já alcançaram mais de 400 compartilhamentos.



Inicialmente, Fernando foi internado no Hospital Municipal de Arraial do Cabo. No entanto, segundo amigos, a unidade não teve condições de atender o caso. Como o caso de Fernando se agravou, a família fez o pagamento da remoção para a unidade privada em Cabo Frio. No momento, ele tem uma infecção, pneumonia em estado crítico nos dois pulmões, bronquite e asma crônicas. A pressão de Fernando chegou a ter pico de 30, segundo os amigos.


“Com a correria, a irmã dele pegou e foi até Cabo Frio sem um real. Num ato de desespero, ela e o padrasto fizeram o pagamento de remoção, de R$ 6.200 sem ter o dinheiro pra pagar", explicou Rafael Pádua, amigo de Fernando.


Após se mobilizar para orar pelo amigo, surgiu a ideia das arrecadações: "Entre amigos, fizemos um grupo de Whatsapp de oração. Então decidimos fazer uma rifa, cada um mostrou o que tinha pra doar. Foi tanta gente querendo ajudar que a gente se surpreendeu. Começamos a ir pra rede, hoje nossa melhor mídia, e a galera começou a compartilhar. A prima dele viu essa vaquinha e a gente foi na coragem", disse Rafael.


Nos comentários da "vaquinha", amigos manifestam solidariedade a Fernando: "Estudei com o Fernando na adolescência e éramos bons amigos, hoje já não temos tanta intimidade, mas estou muito triste com essa situação. Ele já está em minhas orações e fico feliz em poder ajudar pois Deus está no controle de tudo!", disse Roziane Sales Rosio.


No domingo (22), haverá um almoço beneficente para cerca de mil pessoas na Praia Grande. Toda a renda do evento será revertida para o tratamento. O almoço será no Bar do Gerente, na Rua Vereador Simas, número 45. "Tudo com doação. Vai ser um strogonoff, mais de 200 Kg de frango e 100 Kg de arroz. Em menos de dois dias, arrumamos isso tudo. Faremos um bingo porque foi muita doação. Veio passeio de barco, roupa, vale compras", finalizou Rafael, amigo de Fernando.


A Secretaria de Saúde de Arraial do Cabo ainda não deu um posicionamento sobre a impossibilidade de atender Fernando no hospital da cidade.






Fonte: G1.com

 

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Famílias destruídas