Câmara de Búzios segue sem presidente

O ex-presidente da Casa, vereador Henrique Gomes (PP), foi afastado do cargo por determinação judicial, no último dia 15, sob acusação de falsidade ideológica praticada por funcionário público. Sendo assim, uma nova eleição estava prevista para escolher o novo presidente da Câmara Municipal de Búzios, nesta quinta-feira, dia 22. Contudo, a Casa segue sem presidente, pois não teve quorum.

Por Monique Amorim em 24/10/2015 16h37

O ex-presidente da Casa, vereador Henrique Gomes (PP), foi afastado do cargo por determinação judicial, no último dia 15, sob acusação de falsidade ideológica praticada por funcionário público. A ação contra Henrique Gomes foi impetrada pelo Ministério Público e é referente ao tempo em que ele era secretário no governo de Mirinho Braga.

Sendo assim, uma nova eleição estava prevista para escolher o novo presidente da Câmara Municipal de Búzios,nesta quinta-feira, dia 22.

Contudo, a Casa segue sem presidente, pois não teve quorum. Dos oito vereadores aptos a votar, somente quatro compareceram na sessão, Felipe Lopes (PDT), Gugu de Nair (PT do B), Leandro Pereira (PSDB) e Joice Costa (PSDB).

A eleição para a escolha do novo presidente está prevista no Regimento Interno da Câmara. Ela foi convocada, após cinco dias do afastamento de Henrique Gomes (PP) da presidência da Casa.

Os quatro vereadores presentes, entraram no plenário e abriram a sessão, que tinha não tinha nenhuma matéria na pauta.

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Corrupção sem fim!