Câmara de Nova Iguaçu aprova redução de vereadores para cortar custos

Objetivo da medida, aprovada nesta terça-feira, é reduzir os custos da Casa

Por Redação JS* em 06/07/2016 07h36

O número de vereadores eleitos na Câmara de Vereadores de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, vai passar de 29 para 17 a partir do ano que vem. O projeto do vereador Marcelinho das Crianças (PTN) foi aprovado com 23 votos a favor e quatro contra, na noite de ontem, e entra em vigor a partir do próximo mandato.


Segundo Marcelinho, o projeto foi elaborado para cortar custos na Câmara. Em 2014, já havia sido aprovada uma decisão para diminuir o número de vereadores para 21. Agora, os parlamentares estenderam o corte para 17.


— Eu estimo que isso vai provocar uma economia de R$ 3 milhões em quatro anos — alegou o autor do projeto.


Para um vereador ser eleito no município será preciso ter pelo menos 24 mil votos. Entre os parlamentares que votaram contra estão Doutor Cacau (Pros); Carlinhos Presidente; Carlos Ferreira, o Ferreirinha, (PT); Henrique Neves (PCdoB) e Gilson Cunha (PRP). O vereador Marote Já É se absteve.





Fonte: Jornal Extra

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Outubro Rosa