Candidato a prefeito sofre atentado no RJ e reage com tiros

'Se eu não reajo, eles tinham me matado', contou o candidato

Por em 23/09/2016 10h34
Um dos candidatos a prefeito de Japeri, na Baixada Fluminense, foi vítima de um atentado no início da madrugada desta sexta-feira (23), quando chegava em casa, no bairro Chacrinha. Andrezinho, do PRP, é policial e estava armado. Ele disse que reagiu ao ataque e baleou dois dos suspeitos.

André Luís de Oliveira Cristino, o Andrezinho, contou que estava seguindo para casa em seu carro particular pela Rua Santo Antônio, próximo do Largo da Chacrinha, por volta de meia noite e meia, acompanhado de um segurança. A cerca de 500 metros de casa, um carro no sentido contrário, com quatro homens armados, o fechou. 

“Por volta de 1h da manhã eu estava voltando para casa, pois tinha acabado os trabalhos da campanha. Um carro passou por mim, manobrou atrás de mim, me ultrapassou e me fechou. De dentro saíram quatro homens, que começaram a atirar, mas provavelmente não viram que o carro era blindado”, explicou o candidato, que atua no Bope.

Obrigado a parar, o carro do candidato foi alvejado por vários disparos. Como é policial, ele estava armado e trocou tiros com os suspeitos, que deram ré e conseguiram fugir.

“Eu reagi e consegui balear um, que caiu no chão. Depois atingi outro, que caiu dentro do carro. Ainda troquei tiros com os dois que sobraram. Dei ré e fui buscar ajuda. Quando voltei, eles tinham levado o que caiu no carro e não estavam mais lá”, disse Andrezinho.

O candidato foi até o posto de policiamento comunitário de Japeri, que fica no centro da cidade, para pedir ajuda. Ele disse que abandonou o carro próximo à linha férrea, atravessou a pé e conseguiu chegar ao posto. Andrezinho contou que nunca tinha sofrido um ataque do tipo.

“Primeira vez que isso aconteceu. A política aqui é suja. E eu estou incomodando. Minha imagem é jovem. E tentaram me tirar de cena. Se eu não reajo, eles tinham me matado”, contou Andrezinho, que não ficou ferido.

Os policiais militares foram até o local, mas os suspeitos não foram encontrados. Andrezinho foi na manhã desta sexta (23), registrar a ocorrência no 63ª DP (Japeri). O carro do candidato, com marcas de tiros, vai ser periciado.

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Outubro Rosa