Carlos Augusto afirma que população de Cabo Frio precisa de uma Prefeitura que funcione

Conheça o perfil do candidato a Prefeitura de Cabo Frio

Por Redação JS em 31/08/2016 11h09


Ao longo da semana, o Portal JS vai divulgar o perfil dos candidatos às prefeituras da região. Para dar início, vamos divulgar as propostas do Carlos Augusto, empresário, candidato a Prefeitura Municipal de Cabo Frio.  


Carlos Augusto


Carlos Augusto Felipe, PHS (Partido Humanista da Solidariedade), é empresário, nascido no ano de 1960, divorciado e natural de Cabo Frio.

Carlos Augusto, que não possui eleições anteriores,  tem como seu vice Aldo do Social e como limite de gasto em sua campanha o valor de R$1.392.880,29.


No quesito Declaração de Bens, ele declarou possuir R$2.759.999,00. No detalhamento dos seus bens é possível ver obra de arte no valor de R$ 20 mil; terreno no bairro Guriri R$ 150 mil; apartamento no Rio de Janeiro avaliado em R$ 150 mil; um carro no valor de R$ 85 MIL; um galpão de R$ 500 mil, entre outros.


O candidato, em sua proposta de governo, afirma ser um momento de renovação na cidade. “A população de Cabo Frio precisa de uma Prefeitura que funcione e que seja voltada para o povo, que seja empreendedora e visionária, que pense as questões públicas de forma criativa, visando identificar e promover a dinamização dos eixos de desenvolvimento sustentável. A cidade precisa ter a capacidade de catalisar projetos que resultem em crescimento econômico e social da sociedade como um todo. Esta é nossa visão de Plano de Governo para gerir a cidade pelos próximos quatro anos, elaborado, ouvindo e consultando o povo, que estão onde os problemas existem e que realmente é quem precisa ser ouvido e atendido. Estamos ouvindo muitos moradores sobre o local onde vivem e observado sua qualidade de vida”, disse Carlos Augusto.


Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Violência desenfreada