Comoção e indignação no velório da enfermeira Daiana

O enterro foi às 16 horas, no cemitério de São Pedro da Aldeia.

Por Redação JS em 23/05/2016 17h49

Nesta segunda-feira (23), dezenas de pessoas foram se despedir da técnica de enfermagem assassinada a facadas, Daiana Borges, de 34 anos, que era moradora de São Pedro da Aldeia e foi encontrada em Sapeatiba Mirim, Bairro de Iguaba Grande.



O enterro foi às 16 horas, no cemitério de São Pedro da Aldeia, onde familiares e amigos puderam dar seu último adeus à Daiana. No local, os presentes ainda estavam transtornados com o crime, sem entender o porquê, já que a moça era muito querida por todos. 

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Outubro Rosa