Corrupção

Por Vilma Matos em 07/02/2017 09h44

No Brasil, atualmente, só ouvimos falar sobre corrupção. É operação Lava Jato, Calicute, Mensalão, e dai por diante.


Primeiro temos de saber o que é corrupção: é uma palavra derivada do latim, corruptus, que significa “quebrando em pedaços”, oferecer algo para obter vantagem em negociata onde se favorece uma pessoa e prejudica outra.


Cada dia que a mídia nos mostra uma notícia dessa, ficamos com a certeza que este poço não tem fim. È muita corrupção neste país, são sucessivos escândalos, abrangendo, principalmente, políticos.


Com a prisão do Eike Batista, veio à tona a questão de que no Brasil tudo se consegue através do suborno, principalmente nos órgãos públicos. Aqui as coisas só conseguem com aquele “jeitinho brasileiro”, sendo que muitos acham isso normal, que isso faz parte do “jogo”. É uma coisa vergonhosa, ainda por cima ouvir uma coisa dessa.


Como não indignar-se com toda essa corrupção que veio à tona no Estado do Rio de Janeiro.  Denominada de operação Calicute, deflagrada pela Polícia Federal e que prendeu o ex-governador do Rio Sérgio Cabral, acusado de desvio de recursos públicos federais em obras realizadas pelo governo, o valor desviado é de R$ 224 milhões em contrato de diversas empreiteiras.


Com toda essa “roubalheira” como não era de se esperar, o Rio de Janeiro foi ao fundo. A crise afetou os principais órgãos do estado: saúde, segurança, educação entre outros. Como sempre quem sofre com toda essa ganância dos políticos é o povo que fica com deficiência dos serviços básicos que tem direito.   

 

 

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Outubro Rosa