Delação Premiada

Por Vilma Matos em 06/06/2017 13h16

Tem uma palavra que após todos esses escândalos políticos em nosso país, esta muito em evidência: DELAÇÃO.


Primeiro vamos precisar saber o que é delação – ato ou efeito de delatar, acusação secreta, denuncia, divulgação de algo secreto. Bem, só com o significado já da para entender o porquê de tanta repercussão quando se trata de uma delação.


Todas essas denuncias que estão sendo divulgada nas mídias em todo país, é conhecida com Delação Premiada, que é quando há uma espécie de “troca de favores” entre o juiz e o réu. Na delação, o delator geralmente esta ligado ao crime, então com as informações fornecidas, o juiz, achando relevante para o caso, poderá reduzir a pena do réu, quando este for julgado, pode haver o perdão judicial e substituir por penas restritivas de direitos.


Mas, caso as informações sejam falsas, o juiz poderá não só aumentar a pena do acusado, como acrescentar o crime de delação caluniosa.


Há quem considera esses delatores uns traidores, como a própria ex- presidente Dilma, ela criticou-os relatando que na ditadura tentaram fazê-la transformar em uma delatora, mas ela resistiu. Quem defende considera essa “traição” um ato contra um crime ocorrido, considerando essas informações importantes ao combate ao crime.


Um assunto tão complexo como este fomentará debates, mas, no final o que todos desejamos é a JUSTIÇA.


Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Delação Premiada