Exposição de móveis rústicos e poesia na Casa de Cultura Gabriel Joaquim dos Santos

Por em 14/10/2015 00h05
Está aberta e vai até o dia 7 de novembro, na Casa de Cultura Gabriel Joaquim dos Santos a exposição que reúne a poesia de Victorino Carriço e os móveis rústicos produzidos pelo artista Plínio Souza. A visitação está aberta de segunda a sábado (de segunda a sexta-feira das 10h às 17h e aos sábados de 18h às 21h) e é promovida pela Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por meio da Secretaria de Turismo, Cultura e Lazer.
Na cerimônia de abertura, a filha do poeta, Hercília Carriço, comentou a emoção que sentia ao participar dessa homenagem ao pai feita em sua cidade natal (Victorino nasceu no Baixo Grande, bairro de São Pedro da Aldeia).

“Meu pai era um amante da nossa Região e tinha um carinho especial por São Pedro da Aldeia, onde tinha muitos amigos” afirmou.


Já Plínio Souza afirmou estar honrado em dividir a exposição de seu trabalho com o poeta e falou da importância da reciclagem.


“Na nossa oficina transformamos madeira abandonada, como cortes de árvore, nestes trabalhos que vocês estão tendo a oportunidade de conhecer” disse.


A secretária Sandra Coelho comentou a importância dos dois trabalhos.


“Victorino Carriço está imortalizado pelo seu trabalho, pela sua poesia, que se encaixa perfeitamente na arte de Plínio” afirmou.

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Famílias destruídas