Feirão da Caixa terá imóveis com desconto de até R$ 15 mil

Construtoras vão ofertar 15 mil unidades, que podem ter registro e ITBI grátis

Por Redação JS* em 21/04/2016 07h14

A 12ª edição do Feirão Caixa da Casa Própria no Rio oferecerá 15 mil unidades, entre novos e usados. No evento, que ocorre entre 29 de abril e 1º de maio, os interessados em comprar imóvel terão facilidades como desconto de até R$ 15 mil oferecidos por algumas construtoras, parcelas com valor inferior ao aluguel, isenção de Imposto de Transmissão sobre Bens Imóveis (ITBI), além de registro grátis para quem fechar negócio no local. De abril a junho, a Caixa promove o evento, também, em outras 13 cidades do país com 241 mil unidades.


Os imóveis do programa habitacional do governo e dos demais que são enquadrados nas operações com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) serão as estrelas do evento no Pavilhão 2 do Riocentro, na Barra. Com este foco, as unidades têm que custar até R$ 225 mil. Os juros dos financiamentos são a partir de 5,5% ao ano, mais Taxa Referencial (TR). 


Outra vantagem é que o financiamento será aprovado na hora. Há unidades a partir de R$ 116 mil, em Itaboraí, da construtora Direcional. Segundo o superintendente regional da Caixa, Arnaldo Barcellos, o feirão será uma oportunidade para as famílias realizarem o sonho da casa própria. “Os visitantes vão contar com as condições facilitadas que a Caixa oferece, além de ter acesso aos principais lançamentos e a diversos imóveis disponíveis na capital e em toda a Região Metropolitana do Rio”, afirma Barcellos. 


Os interessados em comprar uma unidade do Minha Casa, Minha Vida têm que ter renda de até R$ 6.500. O prazo máximo de pagamento é de 30 anos e o financiamento chega a 90% pelo Sistema de Amortização Constante (SAC), ou seja, a prestação começa maior e vai caindo, e de até 80% pela tabela Price, onde as parcelas começam menores e vão subindo. As taxas de juros variam de 5,5% a 8,16% ao ano mais TR (Taxa Referencial). O programa do governo tem subsídio de até R$ 27,5 mil.


O valor máximo do imóvel e de R$ 225 mil no Rio, São Paulo e Distrito Federal. Estas condições não incluem a faixa I do Minha Casa, Minha Vida. Vale lembrar que o feirão também vai oferecer unidades para quem recebe acima de R$6,5 mil. Recursos do FGTS e da caderneta de poupança poderão ser usados, além do consórcio de imóveis. 


“A importância do feirão está em aproximar o consumidor dos agentes financeiros e facilitar negociações. O cliente interessado pode conseguir o crédito na hora e viabilizar a aquisição. O evento é vantajoso para as duas partes neste período de juros altos e crédito escasso. Por experiências anteriores, sabemos que o feirão é uma grande oportunidade”, diz João Paulo Matos, presidente da Associação dos Dirigentes de Empresa do Mercado Imobiliário (Ademi-RJ).


Descontos e serviços grátis


As construtoras aproveitam o Feirão Caixa para oferecer as melhores condições de compra. A MRV Engenharia terá unidades a partir R$ 131 mil, que incluem Imposto de Transmissão sobre Bens Imóveis (ITBI) e registro grátis, além de parcelas com valor inferior ao aluguel. “Neste período concentramos todos nossos esforços”, diz David Cunha, gestor executivo Comercial da MRV. 


A Cury vai oferecer descontos de até R$ 15 mil, além do ITBI e do registro para quem comprar no evento uma das unidades em estoque. A construtora também vai lançar 500 unidades no Engenho Novo. De acordo com Leonardo Mesquita, da Cury, serão ofertados 1.700 imóveis em bairros da Zona Norte do Rio e da Baixada Fluminense, com preços a partir de R$ 135 mil. “Todos os nossos empreendimentos se encaixam no programa habitacional do Governo Federal”, afirma Mesquita.


Segundo o superintendente de Incorporação da Direcional, João Adriano Nobre, terá ofertas a partir de R$ 116 mil, em Itaboraí. “Trabalhamos focados no Minha Casa, Minha Vida. Se o comprador tiver FGTS, poderá usar como entrada e ainda ter direito ao subsídio do programa, que pode chegar a R$ 27.500, dependendo da renda familiar. E só começará a pagar a prestação cheia na faixa de R$ 500 quando receber as chaves”, informa.


Participam do Feirão Caixa 44 construtoras, 30 imobiliárias, além dos correspondentes imobiliários Caixa, que funcionam como um mini agência do banco para liberação do empréstimo habitacional. 

O horário de funcionamento é de 10h às 20 nos dias 29 e 30 de abril. No dia 1º de maio, o atendimento será das 10h às 18h. O evento será Riocentro, no Pavilhão 2 , na Avenida Salvador Allende 6.555, Barra da Tijuca. Para acessar o crédito basta levar os documentos (RG e CPF), comprovantes de renda e residência.




*Matéria O Dia

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Violência desenfreada