Greve na Saúde e Educação de Cabo Frio continua

Servidores decidiram manter a greve até que o governo regularize a situação de todos os funcionários

Por Redação JS em 08/07/2016 11h27
Em reunião na noite da última quinta-feira, dia 07, na Escola Edilson Duarte, em Cabo Frio, os servidores da Saúde e Educação aprovaram, por unanimidade, pela continuidade da greve. Com salários atrasados - muitos não receberam o mês de abril - e vários direitos negados, eles decidiram manter a greve até que o governo regularize a situação de todos os funcionários.

Foi aprovado o seguinte calendário:
- 12/07 (terça-feira) - acompanhamento da sessão, com ato até o Largo Santo Antônio;
- 13/07 (quarta-feira) - ato em frente ao Fórum, às 15h;
- 14/07 (quinta-feira) - acompanhamento da sessão com ato;
- 18/07 (segunda-feira) - ato na Praça de São Cristóvão, às 15h;
- 19/07 (terça-feira) - acompanhamento da sessão com ato;
- 20/07 (quarta-feira) - assembleia, às 18h, no Edilson Duarte

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Infarto - Editorial JS