Índios de Itaipuaçu, Maricá estão na novela “Velho Chico” e em exposição em Petrópolis

Na história, eles são os pajés que irão curar Santo (Domingos Montagner)

Por Redação JS em 24/08/2016 15h10

Os índios guaranis, Maria Helena e Felix Karaí Brisuela, da aldeia Ará Rovy Re, instalada em Itaipuaçu, Maricá, estão na novela “Velho Chico”. Na história, eles são os pajés que irão curar Santo (Domingos Montagner) e devolvê-lo a Teresa (Camila Pitanga).

 

Os dois gravaram teste para elenco, a pedido da TV Globo, na exposição “Mbyá Rekó, o jeito de ser Guarani”, no Centro Cultural da FM/Fase, em Petrópolis, e foram aprovados.


As cenas gravadas na aldeia fictícia para onde Santo foi levado após o atentado a tiros, além de mostrar a espiritualidade, mostra outras tradições indígenas, como o culto ao milho e a importância da música para a perpetuação da história.


A exposição “Mbyá Rekó, o jeito de ser Guarani” fica aberta à visitação de segunda à sexta, das 9h às 21h, e aos sábados, até às 18h, no centro cultural da Faculdade de Medicina de Petrópolis.

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Famílias destruídas