Kaká Mendes chama Cabofriense de casa e afirma: "Estava com saudade"

Meia que trocou o Boavista pelo Tricolor Praiano não esconde a felicidade por estar retornando ao time que defendeu em 2014 e 2015

Por em 10/01/2017 10h00
Anunciado no começo de dezembro de 2016 pelo Boavista, Kaká Mendes acabou deixando o clube com menos de um mês para acertar o retorno à Cabofriense - time que defendeu em 2014 e 2015. Sem esconder a satisfação por estar voltando para Cabo Frio, o meia de 23 anos chamou o Tricolor Praiano de casa e disse que estava com saudade da rotina no clube que aprendeu a amar.

"Graças a Deus (estou retornando). Já estava com saudade de retornar aqui para "minha casa", né? Eu digo que cheguei na minha casa novamente. Estou feliz e espero fazer um bom campeonato para levar a Cabofriense a classificação. Eu joguei aqui em 2014 e 2015 e fiz grandes amizades. Tenho certa intimidade com a própria torcida. E vim para cá agora para se Deus quiser fazer um bom campeonato", declarou o meia, que também elogiou a estrutura do Boavista, mas que deixou claro que ficou seduzido pelo convite feito pelo presidente da Cabofriense.

"O Valdemir me ligou e eu vim para cá. Lá (Boavista) também é um clube bom, tem o Joel Santana. Mas entramos em um acordo e eu resolvi voltar para a Cabofriense", declarou.

Sem perder tempo e habituado ao clube, o meia tratou logo de mirar o jogo de estreia da equipe na competição contra o Tigres do Brasil, que será jogado fora de casa.

"Eu já vi que o time está se encaixando bem para quarta-feira enfrentar o Tigres. É todo mundo gente boa. Eu já conhecia vários jogadores que estão aqui, e o time está excelente", concluiu.

A Cabofriense estreia na seletiva do  Carioca nesta quarta-feira, diante do Tigres, no Los Larios. 

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Violência desenfreada