Menina autista se agride por falta de aulas em Cabo Frio, diz mãe

Os profissionais da educação estão em greve desde outubro do ano passado, por falta de pagamentos do governo municipal. Com isso, alunos do município estão há meses sem frequentar as salas de aula.

Por Jamyne Sant'Anna - Rádio Litoral FM em 30/06/2016 07h20

Renée Castanho, mãe da Duda, menina autista, de 12 anos, esteve nesta quarta-feira (29) na Rádio Litoral, contando um pouco das dificuldades enfrentadas pela família, por conta da crise na educação em Cabo Frio.


Os profissionais da educação estão em greve desde outubro do ano passado, por falta de pagamentos do governo municipal. Com isso, alunos do município estão há meses sem frequentar as salas de aula. “A Duda está há 3 meses sem estudar. A rotina escolar para a criança com deficiência, é muito importante, mas pro autista é essencial. E essa falta de rotina está fazendo com que a minha filha sofra demais. Por conta da falta de rotina escolar, ela se agride e quebra as coisas. A forma dela expressar que algo está errado é essa. Isso é da síndrome dela.” disse.


Sem saber mais o que fazer, Renée decidiu usar as redes sociais para tornar público o drama enfrentando pela filha, mas a atitude incomodou. “Eu recebi algumas ligações pedindo para que eu tirasse as minhas publicações, que eu parasse de falar, pra eu acalmar meu coração. E eu falei que eu não iria fazer isso enquanto a minha filha não estivesse estudando.” contou.


Por conta da greve dos profissionais da educação que estão sem receber, a Duda e toda a família tiveram a rotina desestruturada. A mãe contou que atualmente, a filha de 16 anos está deixando de estudar para tomar conta da irmã. “A gente deixa trabalhar, deixa de ganhar dinheiro, minha filha tem deixado de estudar, para cuidar da irmã dela, uma menor que é deficiente. Eu não sei mais que fim a vamos chegar.” finalizou a mãe.

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes Dupla vascaína
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Alvo humano