O SOMBRA: Tudo sobre a política da Região dos Lagos neste sábado

Todo mundo quieto; Nunca é tarde; Caldeirão está fervendo; Cada grupo, uma pesquisa; Artistas do espetáculo; Amargo e frio

Por O Sombra em 04/06/2016 13h27

Búzios


Ninguém pode falar de ninguém em Búzios. O prefeito André Granado (PMDB), foi condenado por improbidade administrativa, cabe recurso. Mirinho Braga (PDT), também teve o mesmo problema e já recorreu da decisão. No processo do ex-prefeito, a decisão foi de primeira instância. Nas rodas de bate papo, o que se fala é que ninguém pode falar nada. Todo mundo calado.


Cabo Frio


Os 12 vereadores de Cabo Frio, que na última hora pularam do “barco” do empréstimo, já viram que a medida foi pra lá de acertada. Por onde passam são elogiados. Nunca é tarde para acertar, disse o vereador Aquiles Barreto.


Arraial do Cabo


Oposição e situação lutam por causa dos 19 milhões. A situação quer o empréstimo e diz que é para usar em obras de qualidade de vida, para moradores dos distritos de Figueira e Monte Alto. Já a oposição, que conseguiu na justiça uma liminar que barrou o empréstimo, diz que o empréstimo será usado em beneficio eleitoral. Já deu para perceber que o pleito eleitoral vai ser quente! O prefeito Andinho disse que é de direito da oposição atuar contra o empréstimo pedido pela prefeitura, mas que vai recorrer. Já o vereador Renatinho Vianna, pré-candidato a cadeira de prefeito, diz que vai continuar lutando. O caldeirão está fervendo!!


São Pedro da Aldeia


Para os cientistas do Canhão da Fofoca, muita coisa ainda vai acontecer politicamente em São Pedro da Aldeia. Eles falam que a indefinição é total. Enquanto isso as pesquisas são feitas e analisadas por cada grupo. Vale lembrar que cada grupo tem a sua.


Araruama


A entrada do ex-prefeito André Mônica no jogo eleitoral deu uma mexida no tabuleiro. Para os “jogadores” o esquema muda e tudo terá que ser repensado. Miguel Jeovani, Anderson Moura, Livia de Chiquinho, Marcelo Amaral e agora André Mônica serão os artistas do espetáculo.


Iguaba Grande


O “café amargo” servido pela prefeita Grasiella Magalhães ao vereador Paulo Rito, deixou uma cicatriz. Rito anda dizendo que ale de amargo, o “café” estava frio.

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Famílias destruídas