Prefeitura de São Pedro da Aldeia promove 2º Prêmio Dandara Guerreira

Carregado de emoção o prêmio foi aberto com a apresentação da juventude Amans, declamando e cantando “Maria, Maria”, sucesso na voz de Milton Nascimento.

Por Redação JS em 02/08/2016 13h38

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, por meio da Secretaria de Educação e da Diretoria de Promoção de Políticas Públicas de Igualdade Racial (DIPPPIR), promoveu o 2º Prêmio Dandara Guerreira em comemoração ao Dia da Mulher Afro-Latino-Americana e Caribenha. Na ocasião, foram homenageadas treze personalidades femininas negras do município, que contribuíram para a manutenção, valorização e difusão das tradições e da cultura afro-brasileira. O evento aconteceu na Câmara Municipal e contou com grande participação popular. 

 

Representando o secretário de Educação, Evaldo Bittencourt, a Subsecretária da pasta, Claudete Ramos falou da felicidade e dos desafios do cotidiano.


“Em nome da secretaria de Educação parabenizo a todas as mulheres aqui presentes. Eu me reconheço e me identifico como uma Dandara Guerreira de verdade. Todos os dias eu saio de casa e deixo meus filhos, mas sei que é o melhor para eles. Sou professora há 25 anos e sei que onde cheguei foi por fruto de muito trabalho e dedicação. A mulher negra luta diariamente, quebra paradigmas para conseguir o que quer”, disse Claudete que foi uma das homenageadas.

Carregado de emoção o prêmio foi aberto com a apresentação da juventude Amans, declamando e cantando “Maria, Maria”, sucesso na voz de Milton Nascimento. O evento contou ainda com palestra sobre as mulheres negras e sua importância na história. Temas como cultura do estupro e racismo também foram discutidos.


A presidente da Associação de Mulheres Afro-descendentes Nair de Souza (Amans), Lu de Souza, falou sobre a importância do prêmio.


“Esse prêmio tem o objetivo de fazer as mulheres negras se reconhecerem, como lutadoras e verdadeiras guerreiras. No ano passado o prêmio lembrou mulheres importantes e nessa edição não é diferente. São mulheres que criaram suas famílias com garra e determinação, que conduzem seus negócios, que levam o trabalho a sério”, afirmou a presidente.

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Famílias destruídas