Presidente da Associação de Hotéis: "Hospedes que passam Carnaval em Cabo Frio não voltam mais"

Carlos Cunha falou sobre o turismo em Cabo Frio e região e também, sobre a alta temporada no município.

Por Jamyne Sant'Anna - Rádio Litoral FM em 25/02/2016 10h41

O programa Bom Dia Litoral recebeu na manhã desta quinta-feira (25), o presidente da Associação de Hotéis e Turismo de Cabo Frio, Carlos Cunha, que falou sobre o turismo em Cabo Frio e região e também, sobre a alta temporada no município.


De acordo com Carlos, o verão este ano foi bem abaixo do esperado. “As nossas vendas não foram iguais ao ano passado, tivemos um índice de ocupação bem menor. O réveillon foi igual ao que passou, mas janeiro e carnaval foram bem abaixo. Nós tivemos ainda um agravante, a gente não conseguiu realizar as diárias em um nível necessário. Só de aumento de energia acumulado ao ano, nós tivemos mais de 70% e é impossível você repassar isso para uma tarifa e o consumidor não pode ser penalizado. Então quem acaba penalizado é o empresário, que tem uma margem de lucro muito menor.”


Como se não bastassem todos esses problemas, o presidente informou também que dificilmente os hóspedes que vem para o carnaval, voltam no ano seguinte, “O Índice de retorno desses clientes, a gente quase não tem hospedes que venha no carnaval e volte no ano seguinte. A gente perde o cliente”.


Por conta disso, a Associação tem se mobilizado e na última terça-feira realizou uma reunião com cerca de 90 empresários para apresentar propostas de melhorias no turismo: “Nós apontamos diversos problemas, mas nessa reunião nós não queríamos isso, nós queríamos descobrir uma forma de resolver isso de imediato e sem depender de dinheiro, de valores exorbitantes. Mas isso sempre esbarra no lado eleitoral. Os vereadores, os políticos têm o pensamento de que não podem perder voto, mas se esquecem que quem mais tem voto nessa cidade somos nós empresários. O número de família que abastecemos é infinitamente superior ao das casas.”


Durante a entrevista, Carlos Cunha avaliou também o turismo da Região dos Lagos, com destaque para Arraial do Cabo e Búzios, que têm buscado investir na área: “Arraial do Cabo e Búzios têm uma ética de turismo muito interessante, eles participam de feiras e estão colhendo muitos frutos. No ano retrasado a associação de hotéis esteve presente em uma feira representando a cidade porque o institucional da cidade não estava. Aliás, há um bom tempo que o institucional da cidade não comparece em eventos.”


No final da entrevista o presidente falou sobre a expectativa da Associação para o ano de 2016: “Esse ano vai ser duro, será um ano difícil. Nós estamos sem dinheiro para passar o ano, então nós estamos nos reinventando já tem algum tempo, essa crise não pegou ninguém de surpresa, a gente já sabia que isso ia acontecer por esse ano. Agora nós vamos esperar uma maior fiscalização do poder Público. Estamos buscando ferramentas para buscar um turismo melhor e de qualidade”.

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Deus está no controle