Professores entram em greve em Cabo Frio

As aulas serão suspensas nos dias 12 e 16 de novembro

Por Redação JS em 11/11/2015 23h11
Professores da rede municipal de Cabo Frio decidiram, hoje (11) a noite, em Assembleia no colégio Edílson Duarte, entrar em greve. 

Após a Assembleia, saíram em passeata com trio elétrico, com palavras de ordem, até a Praça das Águas, onde fica a residência do prefeito Alair Corrêa.

Lá permaneceram por 40 minutos. Eles prometem amanhã irem até o Tamoio, onde acontecerá a Sessão Solene de aniversário de município.

Depois da Assembleia, que o SEPE Lagos decidiu pela greve dos professores, o governo municipal emitiu uma nota para imprensa. Segue a nota abaixo:

A Secretaria Municipal de Educação informa que foi decidido em reunião extraordinária com a presença do prefeito Alair Corrêa, da Secretária de Educação Juciara Noronha, da Secretária Adjunta Elenice Martins e dos diretores das Unidades de Ensino de Cabo Frio que em função do atraso no pagamento dos funcionários contratados e das festividades em comemoração aos 400 Anos de Fundação de Cabo Frio, foram suspensas as aulas nos dias 12 (quinta-feira) e 16 (segunda-feira) de novembro. As aulas retornarão normalmente no dia 17 de novembro, quando sairá o pagamento dos funcionários contratados. 

Esclarecemos então que a Rede Municipal de Ensino não está em greve, mas sim em recesso de suas atividades escolares. 





Fotos: Vinicius Peixoto - Keetherine Giovanessa 

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Corrupção sem fim!