Projeto “Caminhos da História” inicia neste sábado, em Cabo Frio

Caminhada pela história de Cabo Frio é fruto de parceria entre a Prefeitura e Universidade Estácio de Sá

Por Redação JS em 15/06/2017 04h10
Vem aí a primeira edição do Projeto “Caminhos da História”, fruto de uma parceria entre a Secretaria de Cultura de Cabo Frio e a Universidade Estácio de Sá. O projeto consiste em uma caminhada que parte do Morro da Guia até o Forte São Mateus, percorrendo todo complexo histórico central da cidade. A rica história que compõe a cultura, a memória e seu surgimento será contada através dos monumentos, pontos históricos e ruas do município.

O início da caminhada será a partir das 9h da manhã com ponto de encontro no Cruzeiro do Convento Nossa Senhora dos Anjos no centro de Cabo Frio. De acordo com o Secretário de Cultura, Ricardo Machado, o objetivo do projeto é disseminar a cultura e a história da cidade.

“O objetivo do projeto é valorizar a história de Cabo Frio, que é a sétima mais antiga do Brasil, transformando em produto histórico para que possa trazer uma contribuição para o turismo sustentável, além de gerar um processo de identificação da população com a história da cidade”, explicou o secretário.

O evento será aberto ao público de todas as idades e quem quiser participar também poderá contribuir contando as próprias memórias, histórias ou curiosidades interagindo com os professores e alunos do curso de História da Estácio de Sá, que estarão à disposição do público para tirar dúvidas e oferecer orientações.

Segundo o coordenador do Curso de História da Estácio, Paulo Cotias, o projeto “Caminhos da História” é apenas o primeiro grande fruto do Núcleo de Estudos Históricos, resultado da parceria entre a universidade e a prefeitura.

“Este é o primeiro fruto do nosso Núcleo de Estudos Históricos. Espero que essa parceria com a Secretaria de Cultura tenha vida longa e que a gente consiga de fato alcançar o objetivo de fazer as pessoas se apaixonarem pela história, se envolverem e construir uma história melhor para o nosso município”, comentou.
 
Núcleo de Estudos Históricos
A parceria entre a Secretaria de Cultura e o curso de História da Universidade Estácio de Sá foi firmada em maio e prevê diversas ações voltadas para educação histórica e patrimonial. O Núcleo de Estudos Históricos será instalado no histórico prédio do Solar dos Massa e contará com professores e estudantes da graduação e pós-graduação de História da universidade. O núcleo contará também com uma exposição permanente chamada “Janelas da História”, na qual a riqueza cultural e histórica de Cabo Frio será colocada em evidência.

Foto: Divulgação

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Delação Premiada