Protesto de professores acaba na delegacia

Todos prestaram queixa na 126ªDP e no momento se encontram na DEAM - Delegacia de Atendimento à Mulher.

Por Redação JS em 16/12/2015 18h17

Durante o ato desta quarta-feira, (16) na Secretaria de Fazenda, quatro manifestantes, mulheres e professoras da rede de ensino, acusam quatro agentes da Guarda Municipal de Cabo Frio, que estavam no local, de agressão.


Segundo elas, ao pedirem para utilizarem o banheiro da secretaria, as profissionais da Educação foram barradas e isso gerou um principio de tumulto que resultou na agressão por parte dos agentes. As marcas do ataque ficaram visíveis em algumas professoras e coordenadoras do movimento.


Entretanto, a Guarda Municipal alega que foi agredida pelos professores, no qual a diretora do SEPE, Denise Teixeira, teria deferido um soco em dos agentes. A prova definitiva só poderá ser feita pelos peritos.


Todos prestaram queixa na 126ªDP e no momento se encontram na DEAM - Delegacia de Atendimento à Mulher.

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Corrupção sem fim!