Rio das Ostras sedia Torneio Regional de Xadrez

Competição, que faz parte do Global Chess Festival 2016, aconteceu na Escola Municipal Cidade Praiana

Por em 11/10/2016 09h37
Enxadristas de Rio das Ostras e Região participaram no sábado, dia 8, do Torneio Regional de Xadrez 2016, na Escola Municipal Cidade Praiana. A competição contou com 19 participantes nas categorias sub-10, sub-13 e sub-17. O torneio faz parte do Global Chess Festival 2016, evento internacional cuja proposta é conectar praticantes de xadrez e disseminar o esporte.
Em Rio das Ostras, o projeto de Xadrez é desenvolvido na Escola Municipal Cidade Praiana com o objetivo de melhorar o aprendizado dos estudantes. Além de diversão, a atividade estimula o raciocínio lógico, o bom comportamento, a frequência e o rendimento escolar. Além da melhoria do rendimento escolar, o projeto tem revelado talentos para o Município.
“O jogo de xadrez desenvolve e aprimora competências e habilidades muito importantes para o estudo. A prática do esporte também é uma maneira de elevação da autoestima e fortalecimento da confiança. É um esporte barato e muito agregador, pois não diferencia pessoas por sexo, peso, cor ou idade. Por tudo isso, o xadrez é recomendado pela Unesco como excelente recurso pedagógico nas escolas do mundo”, explica o pedagogo Anderson Alves Morgado, idealizador do projeto, enxadrista e árbitro da Federação do Rio de Janeiro.
Jorge Menezes Mello, de 15 anos, é ex-aluno da Escola Cidade Praiana e integrou o projeto desde o início, em 2012. Ele participou como voluntário do evento, arbitrando as partidas. Jorge reconhece a importância do xadrez em sua vida.
“Antes do xadrez, eu me questionava por não ser bom em nada. Hoje, sei que sou bom no xadrez, eu sou um campeão. Estou aqui fazendo a minha parte para ajudar a garotada a se desenvolver e até ser mais forte do que eu”, disse.
Seguindo os passos de Jorge, Gabriel Monteiro de Luna, de 9 anos, começou a praticar xadrez há dois anos. Ele é tricampeão estadual da categoria sub-10 e um dos enxadristas mais promissores do projeto.
“É bem legal participar. Aprendo jogadas e também me divirto. Quando estou em casa, jogo on-line e quero me tornar um professor”, disse o jovem atleta, que também ficou com o título da competição de sábado.

Confira os resultados:

Sub-10
1. Gabriel Monteiro de Luna – E.M. Cidade Praiana
2. Lucas Assunçao Oliveira – E.M. Cidade Praiana
3. Arthur L.M.Halbem – E.M. Cidade Praiana
4. Fillipe Mondego Fernandes – E.M. Cidade Praiana
5. Natan Pinheiro Souza – E.M. Cidade Praiana

Sub-13
1. Luiz Fernando Souza Andrade – E.M. Cidade Praiana
2. Yuri Borges Delmiro da Silva – E.M. Cidade Praiana
3. Gabriel Gomes da Silva – C.M. Botafogo (Macaé)
4. Antônio Kayran A.Oliveira – E.M. Cidade Praiana
5. Rafael Oliveira da Silva – C.M. Botafogo (Macaé)
6. Denílson A. Duarte – E.M. Cidade Praiana
7. Victor Gabriel C.da Silva – E.M. Cidade Praiana
8. Luiz Carlos Santos – E.M. Cidade Praiana
9. Gabriel Ferreira Góes – E.M. Cidade Praiana
10. Gabriel Albuquerque – E.M. Cidade Praiana
Sub-17
1. Henrique Lourenço Gomes – E.M. Pe. José Dílson
2. Gabriel Abreu Barbosa – C.M. Botafogo (Macaé)
3. Carlos Wellington Fontana – C.M. Botafogo (Macaé)
4. Luis Fernando T. Gomes – E.M. Cidade Praiana

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Corrupção sem fim!