Timão

Por em 09/11/2015 16h21
No Campeonato onde o que se discute é o título de campeão, o resto- classificações para Libertadores e Copa Sul-Americana - é papo furado. O Corinthians é campeão desde que abriu vantagem sobre o Galo Mineiro e chega ao título com toda justiça. Sua vitória é inquestionável. O Corinthians não tem um timaço imbatível, e sim um bom time montado a partir de um quarteto eficiente no meio campo com Ralf, Elias, Jadson e Renato Augusto que regula tudo. Méritos para Tite e sua comissão técnica, por manter o grupo fisicamente equilibrado e capaz de jogar os 90 minutos de forma compacta sem espaços entre os setores. Ganhou o campeonato com larga vantagem por esses méritos e pela inconstância dos demais, ganhou as duas vezes do Atlético MG, 1 X 0 e 3 X 0, liquidado seu único oponente com sobras. Os outros 18 patinaram como se estivessem dançando de tênis numa pista de gelo. Foi um Campeonato para cardíacos assistirem sem Isordil.

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Corrupção sem fim!