Traficante de armas que se passou por pastor evangélico é preso no RJ

Sebastião Braz da Fonseca Neto, de 49 anos, já tinha sido preso, em 2010, no Mato Grosso do Sul. Ele transportava fuzis que tinham sido fabricados nos Estados Unidos.

Por G1.com em 17/06/2017 15h04

Policiais Civis da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme) do Rio de Janeiro prenderam, na noite desta sexta-feira (16), o traficante internacional de armas Sebastião Braz da Fonseca Neto, de 49 anos.


Sebastião é natural do Rio de Janeiro e, em 2010, chegou a ser preso na BR-262, entre Miranda e Corumbá, no Mato Grosso do Sul. Na ocasião, ele estava com Francisco Ferreira Moura, de 43 anos, transportando sete fuzis Bushmaster modelo M-15, fabricados nos Estados Unidos. Segundo a Polícia, os presos se identificaram, na época, como pastores de uma igreja evangélica.


Os fuzis foram adquiridos na Bolívia e seriam entregues no Morro do Martins em Niterói, Rio de Janeiro. Pelo transporte, o grupo receberia R$ 20 mil.


Sebastião já tinha um mandado de prisão em aberto da Justiça Federal, condenado a uma pena de sete anos e seis meses de reclusão.

Colunistas

Suely Pedrosa - Social Tudo sobre a Região dos Lagos
Ricardo Sanchez - Esportes O espírito da 10 de Zico
Ademilton Ferreira - Política Os bastidores da política
Vilma Matos - Editorial Delação Premiada