Ônibus é incendiado e dois homens morrem após troca de tiros no Jacaré, em Cabo Frio

Um  ônibus foi incendiado e dois homens morreram na manhã deste sábado (8), na Avenida Wilson Mendes, na altura do bairro Jacaré, em Cabo Frio.

Segundo o Corpo de Bombeiros, moradores atearam fogo no ônibus em protesto após tiroteio entre bandidos e policiais. O trânsito ficou bastante lento no local.

De acordo com a Polícia Militar, quatro homens trocaram tiros com policiais em patrulhamento na Rua do Pomar, no bairro Jacaré. Dois deles fugiram e outros dois foram baleados e socorridos, mas não resistiram aos ferimentos e morreram. Gabriel Cordeiro Nunes, conhecido como “Sagaz”, e Wesley Amorim da Silva, o “Uey”, ambos de 20 anos, são os nomes dos que vieram a óbito.

Segundo a PM, o tráfico ordenou que o comércio da Rua dos Biquínis fosse fechado após o confronto, mas o policiamento no local foi reforçado e as lojas abriram normalmente.

A PM informou ainda que um homem em uma moto foi detido também neste sábado mandando o comércio fechar.

A empresa Auto Viação Salineira, responsável pela linha de ônibus, lamentou o ocorrido e informou que encaminhou sua equipe técnica ao local.

Nota oficial da Salineira: 

O Grupo Salineira informa que um ônibus da linha 321, da Auto Viação Salineira, foi incendiado por traficantes na manhã deste sábado (08/09/18), na localidade do bairro Jacaré, em Cabo Frio, na Região dos Lagos. Segundo testemunhas, traficantes pararam, na Avenida Wilson Mendes, o ônibus que fazia o itinerário entre os bairros São Cristóvão e Tangará. O Coletivo foi invadido por traficantes armados, que mandaram todos descerem, e não aguardando totalmente o desembarque, atearam fogo no veículo, deixando duas pessoas feridas (um colaborador e um passageiro). O estado de saúde das vítimas não foi divulgado até o momento.

O fato ocorreu em retaliação a uma operação policial que matou um traficante do local. A empresa informa que havia, preventivamente, pedido policiamento ostensivo nas localidades após operações policiais, o que a secretaria de segurança pública do Estado se comprometeu a fazer.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here