Prefeito de Búzios volta e exonera sete pessoas do cargo de confiança

André Granado

O prefeito de Búzios, André Granado, voltou a assumir a cadeira do Poder Executivo nesta segunda-feira, dia 29.

Com isso, depois de mais de 50 dias afastado do cargo, mudanças já começam a ser realizadas no governo.

Robinho e Cássio

O prefeito exonerou sete pessoas do cargo de confiança: Rafael Fontenelle (Educação), Jefferson Serra (sub-secretário de Obras), Robinho (Esportes), Leonardo Machado (Fazenda), Cássio Heleno (Meio Ambiente), Geraldo Borges (Secretário Especial) e o ex-vereador Messias (Administração). Além de funcionários que estariam ligados aos secretários.

O prefeito exonerou ainda,  sub-secretário de Obras, João Pedro, filho do presidente da Câmara, o Cacalho.

Na noite de segunda, Robson Mota, que foi durante cinco anos um homem de grande presença no governo, atualmente secretário de Esportes, usou a rede social para agradecer os funcionários da prefeitura. Robinho do Salão, como é conhecido na cidade, anunciou ainda que que vai finalizar no domingo, dia 04, os campeonatos Master e Amador, e o Campeonato Evangélico, já que faz parte da Liga que promove a competição.

“A nossa obrigação como servidor é atender bem os contribuintes independe da posição política, social, crença ou sexual, papel esse que cumpri com muito amor, carinho e zelo.
Peço desculpa, se por algum momento não correspondi a expectativa de vocês, mais a minha intenção sempre foi ajudar a todos”, diz Robinho.

"Mesmo capengas e com dor,
 vamos ter que seguir em frente" 
- lamenta André

O Prefeito de Búzios também se manifestou e disse que esse período afastado serviu como grande aprendizado.

“Desde o primeiro dia tentei formar uma grande família, onde cada um tem uma função e todos são importantes, com diferenças e até com brigas, mas com carinho de irmãos. Não consegui. Fracassei, aprendi. Perdi amigos, parceiros, mas não bastou o meu querer, então, agradeço pelo o que cada um contribuiu, e, mesmo capengas e com dor, vamos ter que seguir em frente. Muito obrigado”, desabafa André Granado.

Os demais ex-funcionários ainda não se manifestaram.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here