Procon Arraial do Cabo afirma estar de olho nos preços abusivos das máscaras e álcool em gel

A chegada do coronavírus ao Brasil já causa reflexos nos preços de itens de higiene e produtos hospitalares. Com a expectativa de que a covid-19 alcance o pico de casos no país até o final do mês, a procura por produtos como álcool em gel e máscaras de proteção tende a disparar.

De acordo com o PROCON, o fornecedor não pode elevar o preço sem um motivo justo, apenas por conta da escassez ou da alta procura. O ato é considerado uma prática abusiva e vedada pelo artigo 39, incisos V e X do Código de Defesa do Consumidor.

Buscando proteger o consumidor, o PROCON de Arraial do Cabo realizou um levantamento dos preços de máscaras de proteção e álcool em gel para verificar se os estabelecimentos estão cobrando valores abusivos em função do coronavírus, bem como já fiscalizou algumas farmácias para verificar a suposta prática abusiva. Caso seja identificado alguma irregularidade, o PROCON estará autuando os infratores.

O PROCON disponibiliza um número de WhatsApp (22) 97403-6274 para receber as denúncias, que serão devidamente apuradas, para que as providências administrativas e jurídicas sejam tomadas, coibindo essas práticas ilegais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here