Araruama lidera ranking de geração de empregos na Região dos Lagos

0
33

Os municípios da Região dos Lagos criaram, em julho, 1.084 postos de trabalho com carteira assinada, uma queda de 20,5% se comparado com o mês passado. Araruama foi a cidade que mais criou empregos na Região, com 894 postos de trabalho formais – de carteira assinada – e se destacou com um das que mais gerou empregos no Estado do Rio.


Os números são do CAGED – o Cadastro de Empregados e Desempregados do Ministério do Trabalho. Saquarema vem em seguida com a criação de 202 empregos em julho. Em Cabo Frio, a geração de empregos mês passado despencou, a cidade criou 61 vagas. São Pedro 13 e Arraial 4. Búzios e Iguaba Grande fecharam 9 e 4 postos de trabalho, respectivamente.


A região registra este ano a criação de 4.297 empregos. O município de Araruama também lidera o ranking com a criação de 1.631 vagas de janeiro a julho. Cabo Frio vem em seguida com 1.062 postos de trabalho. Saquarema 875. São Pedro 217, Búzios 206. Iguaba Grande 174 e Arraial 132.


O Estado do Rio passou para a segunda posição no ranking nacional de geração de empregos com carteira assinada, com 12.710 novos postos de trabalho criados em julho. No acumulado do ano são 86.899 empregos formais gerados de janeiro à julho. A análise do Novo Caged, apontou que a maioria das oito regiões do Estado apresentou saldos positivos no mês de julho, com destaque para a Metropolitana, Baixadas Litorâneas e Norte.


Os municípios que mais se destacaram na criação de vagas de trabalho foram: o Rio de Janeiro, com 6.015, Araruama, com 894, e São Gonçalo, que registrou 718 novos empregos. Os setores Serviços de Construção e Comércio foram os que mais apresentaram saldo positivo

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here