Governo de Cabo Frio participará de agenda oficial na China

Neste domingo (21) o Prefeito de Cabo Frio, Dr Adriano Moreno, e o Secretário municipal de Turismo, Radamés Muniz, seguirão para a cidade chinesa de Huzhou para cumprir os protocolos finais de formalização do acordo de cooperação mútua que transforma os dois municípios em “cidades amigas”. Pelo documento, os dois municípios devem se ajudar, mutuamente, através de intercâmbio cultural, ecológico e econômico, entre outros. A viagem terá duração de cerca de 33 horas, sem contar as escalas, já que a distância (em linha reta) entre as duas cidades é de cerca de 18 mil km.

O protocolo de “cidades amigas” entre Cabo Frio e Huzhou foi assinado em maio deste ano, quando o vice-secretário-geral e diretor do Gabinete Geral do Comitê Permanente da Assembleia do Povo do município de Huzhou, Zhang Guoqiang, veio ao Brasil, junto com uma comitiva, manifestando interesse em investir no turismo e na área da fabricação de tubos de alumínio para o setor de petróleo, entre outros, escolhendo o município cabo-friense para o acordo de cooperação.

“Será uma viagem de negócios, que pode gerar excelentes frutos para Cabo Frio, tanto na área do turismo, quanto na geração de emprego e renda para nossa população. Teremos uma agenda oficial de 23 a 31 de outubro, com visitação guiada a várias empresas que têm interesse de investir em Cabo Frio, finalizando com nossa participação, como convidados, num Fórum sobre Desenvolvimento Verde, já que Huzhou é mundialmente conhecida como uma cidade ecológica, que investe em sustentabilidade, e tem muito a nos ajudar nesse sentido”, explicou o prefeito.

O convite para Cabo Frio cumprir agenda oficial na China foi oficializado em agosto deste ano pelo Diretor de Relações Exteriores do Governo de Huzhou, Sun Hulin. Na programação também estão previstas visitas a empresas localizadas nas cidades de Hangzhou e Shanghai, que têm interesse investir no polo industrial ao lado do Cabo Frio Airport. Além do prefeito e do secretário de Turismo, um grupo de empresários também participará da agenda.

“Importante dizer que embora seja uma viagem oficial, de trabalho, tanto eu como o prefeito estamos viajando com recursos próprios, e contando com o apoio de empresas como Auto Viação Salineira, que contratou um tradutor para nos acompanhar na viagem e está patrocinando todos os presentes oficiais incluindo placas alusivas à solenidade, medalhas comemorativas, 20 miniaturas de estátuas produzidas pelo artista cabo-friense Ivan Cruz, entre outros objetos protocolares importantes para a cultura chinesa. Também temos apoio do Cabo Frio Airport, que além de contratar consultoria da Câmara de Comércio Brasil China ES (CCBCES) para nos ajudar na questão dos protocolos e formalidades, está enviando material já traduzido para o mandarim, mostrando todo o potencial do aeroporto e apresentando áreas disponíveis para implantação do polo industrial”, explicou Radamés, lembrando que entre as empresas que têm interesse em investir em Cabo Frio está a AliExpress, “um serviço de varejo on-line fundado em 2010, que se transformou num negócio mundial, superando as potências americanas Amazon e eBay. A ideia é trazer o setor de distribuição da empresa para o Cabo Frio Airport, que é alfandegado”.

Huzhou é uma cidade no nível de prefeitura localizada no norte da província de Zhejiang, na China. Possui população estimada em quase 2,9 milhões de habitantes, sendo conhecida como a Capital da Seda, na China, além de investir fortemente na indústria de materiais de construção e na agricultura. Em 2017, segundo o governo local, o PIB (Produto Interno Bruto) regional de Huzhou foi de US$ 40 bilhões. O investimento em ativos fixos somou US$ 28 bilhões e a arrecadação do município superou os US$ 6 bilhões. O volume total do comércio exterior somou US$ 11,39 bilhões, dos quais US$ 10,06 bilhões foram da exportação.

“Na agenda também está prevista visita a uma universidade de Huzhou, onde formalizaremos um intercâmbio para estudantes, além de participarmos de palestra, em Xangai, numa empresa de desenvolvimento de viagens com foco no Brasil, já que a China é hoje o maior emissor de turistas para o mundo inteiro, e Cabo Frio tem belezas incomparáveis. Com esta viagem oficial queremos firmar parcerias para recebermos os turistas chineses, buscando divulgar nosso destino com materiais traduzidos para o mandarim com apoio de empresas locais, além de formalizar contato com o governo federal chinês com o objetivo de conseguirmos liberação do visto eletrônico, facilitando a chegada de turistas chineses no Brasil”, explicou Radamés.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here