“Araruama Literária” chega ao fim com recorde de público e se consagra como um dos maiores festivais literários do Estado

0
273

Durante três dias a praça Menino João Hélio, no centro, se transformou em um palco de efervescência cultural, entretenimento, educação e muitas, muitas risadas…

E essa alegria vinha de todos os lados… do Espaço Ziraldo, uma homenagem ao escritor, que morreu em abril, aos 91 anos, criador de clássicos da literatura brasileira, como o Menino Maluquinho. Vinha também da tenda principal, onde crianças e adultos se esbaldaram com shows musicais, animações e espetáculo circense…da tenda dos escritores, dos espaços livres da praça, onde personagens da literatura brasileira com suas fantasias ajudavam também a contar lindas histórias.

O público, claro, lotou a praça nesses três dias de evento. A estimativa da Guarda Municipal é de que passaram pelo festival cerca de 15 mil pessoas.

E elas, além de terem o gosto pela leitura aguçado, ainda puderam aprender conteúdos ricos com rodas de conversa e palestras com : Gabriel O Pensador e dr. Drauzio Varella (sexta-feira, 24), o jornalista Caco Barcelos (sábado, 25) e o poeta e escritor Bráulio Bessa (domingo, 25).

Já na parte da noite, a diversão ficou por conta de grandes shows com músicos nacionais. Sexta-feira, 24, muito samba com Jorge Aragão; no sábado, 25, quem subiu ao palco foi a cantora Paula Toller e no domingo, 26, a Banda Blitz levantou o público.

E foi com esse alto astral e gostinho de “quero mais” que a terceira edição do Araruama Literária chegou ao fim e com uma promessa: no ano que vem tem mais entretenimento, cultura, arte e lazer; tudo juntinho e misturado, como a gente gosta.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here