O SOMBRA: Tudo sobre a política da Região dos Lagos nesta  sexta-feira, dia 17

Cabo Frio

A instalação de radares eletrônicos fixos poderá ser proibida nas rodovias do Estado, em especial na Via Lagos.  É o que determina o projeto do deputado Dr. Serginho, que a Assembleia Legislativa aprovou em discussão única. O texto segue para o governador Cláudio Castro, que tem até 15 dias úteis para sancionar 

ou veta-lo. Segundo a medida, a fiscalização  de controle de velocidade deverá ocorrer através de sinalização via horizontal e vertical. O deputado Serginho afirmou que o projeto é um clamor da população da Região dos Lagos. Segundo ele, os radares eletrônicos tornaram-se uma verdadeira industria de multas.

São Pedro da Aldeia 

A direção do SEPE Costa do Sol tem audiência marcada com a secretária de Educação de São Pedro da Aldeia, Sheila Atalla, na próxima terça-feira, às duas da tade. Na pauta do encontro, de acordo com a direção do colegiado do sindicato, estão a revisão do plano de cargos e carreira, a oficialização das trinta horas além do auxílio transporte dos cuidadores, merendeiras e recreadores.

Iguaba Grande 

O vereador Elifas Ramalho completa mais uma primavera hoje e para fesjar convidou vários amigos.  O primeiro da lista foi o prefeito, Vantoil Martins, seguido de Fábio Costa, Dr. Jales, seus parares da Câmara, dentre outros. Tem gente dizendo que Elifas matou um boi, mas o Sombra ainda apura. Parabéns e felicidades para o nobre edil!

Araruama

A prefeita Lívia de Chiquinho e seu marido, Chiquinho Da Educação, foram ver os tapetes de Corpos Christi, nesta quinta-feira(16). Com Lívia também estavam Fernanda Pinto, a jornalista, Danieli Braz e o intrépido João Pinto, do Cidadão. A prefeita  deu nota 10 para os confeccionadores de tapetes.

Arraial do Cabo

O advogado David Figueiredo conseguiu vitória de 7 x 0 para o ex-prefeito de Arraial do Cabo, Renatinho Vianna. Retirou a acusação de abuso de poder político e econômico. 

Búzios

A procuradora Eleitoral, Neide Cardoso de Oliveira, do Ministério Público Federal, opinou pela manutenção da sentença da Justiça de Búzios que cassou os diplomas do prefeito Alexandre Martins e do vice Miguel Pereira por abuso de poder e compra de votos nas eleições. No parecer, a procuradora diz que estão evidenciados a prática dos crimes eleitorais apontados no processo bem como seu deliberado fim eleitoreiro. De acordo com o processo fiscais do TRE confirmaram a distribuição de dinheiro em espécie durante um evento de campanha. O advogado Carlos Magno Carvalho acredita que novas eleições  ocorram em Búzios. Ele prevê para agosto a audiência no TRE que vai julgar o prefeito e o vice. Caso Alexandre Martins seja cassado assume Rafael Aguiar até nova eleição. Segundo o advogado Pedro Canelas, que assiste o prefeito Alexandre Martins não há nada de novo. O programa Bom dia Litoral, da Litoral FM, vai trazer mais detalhes na segunda-feira (20).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here