Prefeitura de Cabo Frio anuncia projeto de Lei para a criação da Moeda Social Itajuru

O exemplo bem sucedido de Maricá, onde a criação de uma moeda própria passou a beneficiar famílias de baixa renda e comerciantes, está prestes a se tornar realidade também em Cabo Frio. O prefeito cabo-friense, José Bonifácio, enviou para a Câmara Municipal um Projeto de Lei que visa a criação da Moeda Social Itajuru. O objetivo é de que o projeto tenha início pelo bairro Manoel Corrêa.

Para viabilizar o programa de transferência de renda, equipes da Prefeitura estão cadastrando famílias e pontos comerciais do Manoel Corrêa. Na primeira fase, o objetivo da Prefeitura de Cabo Frio é destinar, por mês, 200 Itajurus, equivalente a R$ 200, para 500 famílias em situação de pobreza. Os valores poderão ser gastos em lojas cadastradas. Até o momento, cerca de 120 pontos comerciais foram inscritos.

Como critério de seleção, as famílias beneficiárias do programa social oferecido pela Prefeitura de Cabo Frio deverão possuir cadastro no CadÚnico do Governo Federal. Após a implementação da Moeda Itajuru no bairro Manoel Corrêa, a Prefeitura pretende expandir o projeto para outras áreas da cidade, com o objetivo de reduzir a desigualdade social e fomentar a economia das comunidades locais.

Programas de renda básica são utilizados em todo o mundo como ferramenta de redução da desigualdade social, e vêm sendo ainda mais necessários durante a pandemia do novo coronavírus.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here