Procon de Cabo Frio realiza pesquisa comparativa de preços de material escolar

Com a proximidade da volta às aulas, muitos pais já se preparam para a compra do material escolar dos filhos. Para orientar os responsáveis nesta tarefa, o Procon de Cabo Frio realizou uma pesquisa comparativa de preços de 17 itens de uso escolar em seis papelarias da cidade. O levantamento foi feito no último dia 12 de janeiro em estabelecimentos do Centro e do Shopping Park Lagos.

Dependendo das marcas de produtos comparadas, a diferença de preço pode chegar a 620%, caso do apontador metálico, cujos valores encontrados variavam entre R$ 0,59 e R$ 4,25. Mesmo entre produtos da mesma marca, é preciso ficar atento, pois a variação de preço pode não valer a pena, como o caso da caixa de lápis de cor Faber Castell, com 12 unidades, que pode ser encontrado na faixa entre R$ 17,90 e R$ 29,99. Já no caso da resma de papel A4, foi encontrado o mesmo preço (R$ 29,90), em todas as lojas pesquisadas.

A secretária adjunta de Defesa do Consumidor, Cláudia Tavares, orienta que os pais e responsáveis observem a relação custo-benefício ao comprar o material escolar.

“O conselho que eu dou aos pais é que pesquisem direitinho, mas não se atenham apenas ao valor do material escolar. Tem material escolar para todos os bolsos, de todas as marcas, só que é importante que os pais verifiquem também a questão da qualidade. Porque, às vezes, ele compra um material muito barato e ele não vai durar o ano inteiro”, aconselha.

ESCOLAS NÃO PODEM PEDIR MATERIAL DE USO COLETIVO

Uma das dúvidas recorrentes dos pais e responsáveis nesta época do ano diz respeito às listas de material escolar de uso coletivo. O Procon de Cabo Frio alerta que apenas materiais de uso individual utilizados nas atividades pedagógicas podem ser solicitados.

No caso das escolas que usam material próprio, como apostilas, por exemplo, a compra pode ser feita na instituição. Já os de uso coletivo não podem constar na lista e o estabelecimento é proibido de impor a aquisição de determinada marca ou fornecedor específico, o que configura venda casada, prática vedada pelo Código de Defesa do Consumidor.

O Procon de Cabo Frio orienta para que o consumidor não deixe de checar se existem reclamações sobre a instituição nos órgãos de proteção e defesa do consumidor e, caso identifique qualquer prática abusiva, pode encaminhar a denúncia pelo e-mail procon@cabofrio.rj.gov.br.

Confira abaixo a tabela de preços de material escolar pesquisados pelo Procon:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here