Gabi Yamaguchi, moradora de Cabo Frio, celebra um ano de participação em competições

0
168

 
O fim semana foi marcado pela conquista da 24ª medalha no jiu-jítsu; já são 18 ouros, três pratas e três bronzes  

Na segunda-feira (10), a lutadora mirim de jiu-jítsu, Gabi Yamaguchi, comemorou seu primeiro ano de participação em competições. Desde então, a cabo-friense conquistou 29 títulos, entre medalhas e cinturões. A 24ª medalha e a 18ª de ouro veio no sábado (8) durante a 6ª etapa do Circuito Mineirinho, no Campeonato Angra Internacional Cup, organizado pela Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu Desportivo (CBJJD). O evento aconteceu no Ginásio Poliesportivo Getúlio Campos Telles, na cidade de Angra dos Reis, no Rio de Janeiro.

“Foi uma viagem cansativa até chegar ao destino, mas valeu a pena. Trouxe mais um ouro para casa e pude conhecer outras cidades através do jiu-jítsu”, celebrou Gabi que aproveitou para conhecer Paraty, cidade vizinha à Angra dos Reis com a família e seu professor Leonardo Bileo.    

O esporte que chegou na vida da menina como um exercício físico, a despertou para um propósito maior. Muito mais que colecionar medalhas e cinturões, a atleta é a prova de que o esporte abre os horizontes, trabalha disciplina e ainda tem o poder promover inspiração para crianças, jovens e adultos.

A primeira luta da atleta foi o Open Macaé, organizado pela Liga Armagedom. O pódio se tornou comum na vida de Yamaguchi nesse tempo, mas ela entende que nunca foi sorte, é fruto de muita entrega, dedicação, treinos diários de jiu-jítsu e de crossfit. Ela também é acompanhada por nutricionista, fisioterapeuta, mantém alimentação regrada, tudo isso conciliando o estudo regular e o lazer.  

A mãe de Gabi, Géssica Lacerda faz todo o acompanhamento. “Nos tempos livres brinca com o irmão, anda de bicicleta, vai à praia, como qualquer outra criança! A Gabi é muito focada, ela treina jiu jitsu de segunda a sexta, faz crossfit, pilates, além de se dedicar aos estudos e fazer aula de teclado!”. A atleta é faixa cinza e compete a categoria Infantil 2 com peso galo – até 30,200kg. Já são 29 títulos: cinco cinturões e 24 medalhas – 18 de ouro, três de prata e três de bronze. 

A próxima luta será o Campeonato Estadual da Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu Olímpico (CBJJO), no dia 15 de março.  No fim de semana seguinte, dia 23, é a vez da Copa Rio das Ostras Open, e nos dias 29 e 30 o Campeonato Brasileiro, pela International Brazilian Jiu-Jitsu Federation, que acontecerá em São Paulo.

Seja um patrocinador desse sonho

Para arcar com os custos das viagens, a lutadora mirim busca patrocinadores. Quem desejar ser um patrocinador da vida esportiva da atleta, basta contribuir com qualquer valor. A ajuda é bem-vinda de pessoas físicas e jurídicas por meio da conta bancária: Banco Itaú – agência 7913/conta poupanças 07776-9/500 ou através do Pix – chave CPF: 169.413.617-51, em nome da atleta –  Gabriella Lacerda Yamaguchi.  Outras informações por meio do telefone: (22) 9.9820-3173 – Géssica Lacerda.

Sobre Gabi Yamaguchi

A história de Gabi Yamaguchi com jiu-jítsu começou em julho de 2021, quando ingressou no Projeto Social Arte de Lutar, do Governo Federal, realizado no Centro Educacional Bessa e Barreto, no bairro Jardim Caiçara, escola em que cursa o 5º ano do Ensino Fundamental.

Atualmente, o projeto mudou de nome passando a se chamar Projeto de Inclusão Social Lutando pela Educação e deixou de pertencer a iniciativa pública. As aulas acontecem na quadra da escola às quartas e sextas-feiras, das 18h30 às 20h. A atleta também representa a Equipe Sid Jacintho.

Para acompanhar a atleta e ficar por dentro das competições basta acessar o Instagram (@gabiyamaguchi.bjj).

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here