Iguaba Grande está entre as três cidades do Brasil que melhor utilizam os royalties em serviço público 

0
89
DCIM101MEDIADJI_0675.JPG


Iguaba ficou em 3º lugar geral e 1º lugar na saúde na 1ª Edição da Pesquisa: Petróleo e Condições de Vida da Agenda Pública, que é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP).  A pesquisa consta na análise de como os royalties recebidos pelos municípios estão sendo revertidos em serviços públicos de qualidade, assim, avaliando a governança. 

A pesquisa utilizou dados públicos para gerar índices de boa governança nos serviços prestados pela prefeitura, como: educação, saúde, proteção social, desenvolvimento econômico, mobilidade e gestão de qualidade. 

Iguaba Grande ficou em 3º lugar geral, com média de 6,17, entre os mais de 20 municípios que utilizam o dinheiro recebido pelos Royalties com responsabilidade e gerando serviços públicos eficientes e de qualidade, ficando atrás apenas de Ilhabela-SP e Arraial do Cabo-RJ. 

Já na área da saúde, Iguaba Grande ficou em 1º lugar na pesquisa, com média de 7,38. Foram avaliados critérios como os gastos per capita em saúde, além da cobertura da atenção básica, cobertura vacinal, acesso à água, esgoto, taxa de mortalidade infantil, entre outros. 

Na educação também fomos destaque, Iguaba ficou em 2º lugar nacional, com média de 7,71. Foram analisados, além dos gastos em serviços e infraestrutura para a área educacional, a taxa de matrículas, a pontuação no IDEB, taxa de abandono escolar e gestão do recurso. 

“Recebemos o resultado dessa pesquisa com muita satisfação e alegria. Estamos celebrando muito essa conquista para nossa cidade. Poder estar entre as três cidades que melhor aplicam essa verba é uma comprovação de que estamos no caminho do progresso e da transformação”, disse o Prefeito. “Preciso parabenizar a nossa secretária, Carla Valle, e secretário, Jales Lins, pelo excelente trabalho em suas respectivas pastas e, claro, as suas equipes e reafirmar nosso compromisso em continuar trabalhando para esses números no próximo ano ainda serem melhores”, declarou o Prefeito Vantoil Martins. 

Os royalties são valores repassados aos municípios devido à extração de recursos naturais, que são propriedade do governo. Como o petróleo e gás. No caso do petróleo, os royalties são cobrados das concessionárias que exploram a matéria-prima, de acordo com sua quantidade. O valor arrecadado fica com o poder público. 

A Agenda Pública é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) que atua há mais de 13 anos pelo desenvolvimento sustentável e pelo aprimoramento dos serviços públicos brasileiros. Analisando, por meio de pesquisas, governança com equipes intersetoriais e a colaboração entre governos, empresas e sociedade civil para implementação das políticas públicas.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here