Cães treinados auxiliam em operações em Arraial do Cabo

O Grupamento de Operações com Cães (GOC), da Secretaria de Segurança Pública de Arraial do Cabo, criado recentemente, visa atender melhor as demandas de operações da cidade. O Grupamento conta com 2 cães, da raça Pastor Alemão, sendo 1 adquirido pela secretaria de segurança e outro recebido por doação do Canil Imperador, de Magé.

A fêmea é treinada para identificar entorpecentes e farejar desaparecidos. O macho é utilizado como cão de proteção. Nas buscas no caso da turista Fabiane Fernandes, foi utilizada uma cadela do canil de Saquarema, em uma parceria com a Secretaria de Segurança Pública. O canil conta com instrutores capacitados para instruir a equipe da GM e cães experientes já prontos para atuação.

Segundo Willian Silva, Guarda Municipal, coordenador do GOC, o animal foi utilizado para vasculhar a área, utilizando uma peça de roupa da vítima, para incentivar o cão a procurar pelo cheiro. A cadela acusou a passagem da turista pela trilha e ao seguir o faro dela, a equipe encontrou o corpo de Fabiane. “Esse trabalho é feito de forma que o cão é induzido a pensar que o cheiro da pessoa, é o cheiro de um brinquedo, então sai a procura da pessoa, imaginando que irá achar algo para brincar. Quando ele acha o que está sendo procurado, é devidamente presenteado, para entender que atingiu o objetivo”, afirmou Willian. A cadela que participou das buscas é a Toya, uma cadela da raça Golden Retriever, de 5 anos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here