Polícia Civil identifica homem que furtou pertences do cadáver do vereador Ciraldo em Araruama

Um celular, uma carteira e dinheiro. Esses foram os pertences que agentes da 118ª DP – Araruama descobriram que Vinicius Costa Faria, de 19 anos, subtraiu do cadáver do vereador Ciraldo Fernandes da Silva, morto na comunidade do Uta, no bairro Fazendinha, no dia 8.

Segundo as investigações, após o parlamentar ser assassinado, Vinicius, que também era integrante da boca de fumo que funcionava no local, aproveitou a oportunidade e subtraiu os objetos que Ciraldo portava.

Vinicius foi localizado pelos policiais civis na última quinta-feira, dia 12, em Santa Cruz, no Rio de Janeiro. Ele confessou a prática do crime e revelou que um dos atiradores, Yuri Santana Ortega dos Santos, dia 18, arrebatou o relógio do vereador antes de fugir do local do delito.

A localização de Vinicius só foi possível em função do trabalho de inteligência da Delegacia de Araruama e sua integração com a 36ª DP – Santa Cruz, que colaborou com a identificação do investigado.

Todos os envolvidos no crime confessaram ser traficantes de drogas, bem como salientaram que vieram de comunidades da zona oeste do Rio de Janeiro para fortalecer as bocas de fumo no município.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here