Prefeitura de Cabo Frio realiza diagnóstico social para nova expansão da Moeda Itajuru 

A Prefeitura de Cabo Frio realiza um diagnóstico social para nova expansão da Moeda Itajuru em Tamoios, nesta quarta-feira (9). A equipe da Secretaria de Assistência Social vai visitar os bairros Chavão, Florestinha e Samburá, além das ruas da Assembleia e da Torre, em Aquárius. O objetivo é fazer um levantamento inicial das famílias em vulnerabilidade e dos comércios interessados.

A comitiva será formada pela secretária de Assistência Social, Nilza Miqueloti; pela secretária-adjunta Ana Júlia Fonseca; pelo coordenador do Programa Moeda Social Itajuru, Adriano Brisola; e pelo assistente social Luciano Pereira.

“Vamos visitar essas localidades para conhecer de perto a situação das famílias e dos comércios, verificar o perfil dos beneficiários e também aqueles estabelecimentos que se enquadram no programa. É um levantamento prévio, necessário a cada expansão da Moeda Itajuru”, explicou a secretária da Assistência Social, Nilza Miquelotti.

O Programa Moeda Social Itajuru já é realidade para o bairro Manoel Corrêa, projeto-piloto lançado em outubro de 2021 e que, até outubro de 2022, movimentou R$ 1,3 milhão para atender 500 famílias.

A moeda também está implantada na área que abrange os bairros Boca do Mato, Monte Alegre, Porto do Carro e parte da Vila do Ar, onde já foram investidos R$ 800 mil de março a outubro de 2022, beneficiando mais 500 famílias.

Em Maria Joaquina, no distrito de Tamoios, outras 500 famílias já receberam R$ 400 mil de julho a outubro deste ano.

Lançada no final de outubro de 2022, o programa de transferência de renda também atende 500 famílias dos bairros Tangará, Emaús e Parque Eldorado III que, ao todo, receberam R$ 100 mil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here